Posts filed under ‘Idéias’

Dicas para um ensino melhor!

PreschoolComo você tem ensinado as crianças no seu ministério?

Você sabia que as crianças aprendem melhor quando as atividades que estão sendo desenvolvidas no ministério infantil são apropriadas para sua idade. As crianças podem ficar frustradas se por exemplo você pedir a uma criança de 3 anos para cortar nas linhas pontilhadas ou para uma criança da primeira serie para escrever longas frases ou palavras longas e complicadas. Aqui vai uma dica- se você esta utilizando um currículo ou material já preparado, você pode crer que a maioria das atividades apresentadas foram pensadas para a faixa etária pretendida – mas lembre que você conhece suas crianças melhor que os editores do currículo, por isso selecione as atividades que seu grupo vai absorver melhor.

Lembre-se, crianças aprendem mais quando estão na ativa! Quando elas estão envolvidas nas atividades, e utilizam o máximo dos sentidos elas aprendem melhor e se divertem mais. Crianças gostam de ouvir historias mas elas amam fazer parte dela!

Com a convivencia você ira descobrir quais são as atividades que seu grupo mais se envolve e quais tiram a sua atenção. Planeje sua programação com antecedência, e veja o que funciona melhor (mas não repita de forma a perder o impacto) .

As crianças aprendem mais quando notam que os adultos estão se divertindo e cuidando delas.
Quando estiver com elas fale com entusiasmo e responda suas perguntas (de forma apropriada) se possível em sua altura. As crianças de hoje são mais intuitivas e lêem sua linguagem corporal melhor que um detetive da CIA por isso seja amável, atencioso, respeitoso e gradualmente você verá a mesma atitude sendo retornada a você.

Quais dicas você daria para um ensino melhor?

09/10/2014 at 22:34 Deixe um comentário

Criando um bom ambiente para os voluntários

Uma das melhores partes de ser voluntariado no ministério de crianças alem de conduzi-as Cristo é o relacionamentos. Voluntarios do ministério das crianças  se reunem, com os melhores contadores de histórias, lideres de pequeno grupo e equipe técnica. Eles trazem suas personalidades para essas crianças a cada semana. Eles não só são ótimos no que fazem, mas eles são ótimas pessoas. Se sentir parte de uma equipe é algo importante para o voluntário.

A formação da equipe que não acontece durante a noite, e isso não pode acontecer em eventos esporádicos ao longo do ano. Eventos são importantes, mas, mais ainda, é o ambiente que você cria para seus voluntários durante o domingo que conta. Aqui estão cinco passos para você começar a criar um bom ambiente para os voluntários:

Criar um espaço físico que é só para os voluntários.

Encontre uma sala, um armário,  ou mesmo um mural “só para os voluntários” no ministério criamos criamos um mural onde chamamos de mural dos voluntários. Decore o espaço de uma forma que a visão esteja clara lá com cartazes, descrições de trabalho , ou decorações da festa. E certifique-se há muita comida e  café e/ou outras bebidas com cafeína para manter seus voluntários energizados.

Possibilite que suas equipes cheguem cedo.

Muitas vezes costumo chegar pelo menos três horas mais cedo para me preparar, assim posso ter uma reunião com a equipe  antes que o ambiente esteja oficialmente aberto para as crianças chegarem. Parece que é pedir muito de um voluntário, mas ter tempo de sobra para treinar falas sem correrias e poder me reunir com eles antes da programação é uma ótima forma de me conectar com eles.

Esteja no horario.

Comece na hora, e mantenha o cronograma. Se as primeiras coisas estão atrasadas, o resto vai ficar para trás também. Se você for organizado no preparo, os voluntários terão tempo para treinar as falas, passar por cima de mudanças de última hora, ou aprender esses novos movimentos para as canções e também terão tempo para conversar.

Dê espaço para respirar para as equipes.

Uma das parte mais divertida de servir é poder  conversar com pessoas fantásticas. Quando você permite um espaço em sua agenda, você não só cresce como equipe , mas o mais importante, você cria comunidade: as pessoas riem, e oram uns pelos outros. Eles não vão necessariamente se tornam melhores amigos, mas eles pelo menos saberão que alguém está torcendo por eles enquanto eles servem as crianças juntos.

Check e passe tempo juntos.

Após a programação, passe por cada uma das equipes e explique como tudo correu. Mantenha a visão clara e crie uma conversa. Faça isso durante o tempo livre, como parte de uma conversa ao invés de um e-mail formal durante a semana. Peça feedback a seus voluntários. A maioria deles vai oferecer ótimas sugestões de como você pode ter o seu ministério melhor. Quando você ouve seus voluntários, eles se sentem importantes e parte da equipe.

E quanto a você? Quais são suas idéias para construir sua equipe? Compartilhe abaixo!

09/08/2014 at 10:00 2 comentários

Criando um Ambiente de Ministerio de Crianças!

7027120627_8c826c2780_oQuando você ouve as palavras “ambiente do ministério de crianças” o que vem a sua mente?

Decoração? Iluminação? Entrada? desenhos na parede? Cenografia?

Se você respondeu qualquer uma dessas alternativas, você está no caminho certo. Todas essas são definitivamente parte do ambiente para ministério de crianças, mas eles são apenas uma parte do ambiente.

Seu ambiente também inclui os jogos , músicas, e  atividades que as crianças que vão fazer – tudo como planejado – para não mencionar as pessoas que conduzem esses jogos e músicas. Quando se trata de ambientes no ministério, precisamos olhar mais do que tijolos e argamassa de pintura e iluminação. O ambiente é realmente definido como a soma total da experiência de uma pessoa em seu espaço.

Tudo o que uma pessoa experimenta em seu ambiente define o que é importante para você.

Você pode ter um espaço incrível cheio de iluminação  e  cenários para as crianças, mas se o seu conteúdo não envolve as crianças, nada disso importa, não importa! serio!

Você pode fornecer um conteúdo dinâmico em um ambiente para crianças, mas se você não tem relações fortes para reforçar o que as crianças estão aprendendo, as crianças vão se cansar  e começar a ficar entediadas. Tudo importa.

Pense em um parque temático da Disney. A partir do momento que você pisa no estacionamento você conhece a história que eles estão tentando contar, você sabe que a história será contada magicamente, e você sabe que as pessoas vão tratá-lo como estrelas de rock, enquanto eles lhe contam a história.

Como você cria um ambiente envolvente no ministério? Bem  três coisas precisam ser levadas em consideração:

Conteúdo: o que você diz.

Entrega: como você diz .

Relacionamentos: quem está dizendo isso.

Quando esses três aspectos do  ambiente estão trabalhando juntos para contar a mesma história, você cria um ambiente inesquecível para as suas crianças. Você não precisa de milhões ou uma multidões de voluntários. Você precisa de uma estratégia  em seu ministério.

Mas, antes de ir mais longe nesta discussão, eu gostaria de ouvir de você! O que você quer saber sobre a criação de ambientes ? Vou tentar o meu melhor para responder às suas perguntas durante a semana…

03/03/2014 at 22:38 Deixe um comentário

Obligatus, quero dizer… Obrigado

20140220110121A origem da palavra obrigado como forma de agradecimento vem do latim obligatus, particípio do verbo obligare, ligar, amarrar.
É a forma abreviada da expressão fico-lhe obrigado, ou seja, fico ligado pelo favor que você me fez. Quando nos tornamos devedores de outro por um serviço que nos foi prestado, criamos um elo, mesmo que momentâneo, e devemos agradecer.

“obrigado” vem do Latim OBLIGARE, formado por OB, “a”, mais LIGARE, “unir, atar”.

Quando dizemos “obrigado” estamos dizendo que nos sentimos ligados pelos laços do agradecimento a quem nos fez um favor .
Pense nisso… Durante todo este ano a quem você tem  que dizer obrigado pela ajuda ?
Seu pastor?
Voluntarios?
Crianças?

Vá em frente e  diga obrigado  a quem te fez feliz e te ajudou este ano. Deixem eles saberem que são importantes pra  você!
Ah…. e antes que eu me esqueça não esqueça de agradecer a ELE que nos da tudo para que vivamos nEle. Jesus!

28/02/2014 at 22:19 Deixe um comentário

Dicas de Biblias para crianças…

Como lider de ministerio de crianças é importante saber como comunicar a verdade biblica de forma relevante. Para quem esta começando a melhor forma de aprender e assistindo e aprendendo com os outros. Quado for contar uma historia biblica veja como os livros e biblias infantis a contam. Outra coisa bem importante é saber que linguagem usar, que palavras mencionar. Para ajudar  o contar  da historia aqui estão algumas dicas de Biblias Infantis que eu utilizo para  aprimorar o contar da Historia Biblica a cada programação.

É importante lembrar de ler a historia biblica diretamente da fonte (NA BIBLIA)  antes de contar a historia as crianças. Utilize versões amigáveis como a Biblia VIVA ou a NVI.  Dica: Durante o contar da  historia leia versículos diretamente dela.


Se você lidera uma turma de criança bem pequenas, esta Biblia apresenta às crianças histórias em uma linguagem simples e clara (bem resumida). As ilustrações são vibrantes, textos animados e edificantes. Nas ultimas paginas traz um curto dicionário para as crianças das palavras utilizadas no livro.

Publicado pela CPAD.

Na mesma linha da Biblia para principiantes utilizo tambem a Biblia dos Pequeninos. Colorida e de facil linguagem também é indicada para utilizar com crianças bem pequenas. No final traz dicas para pais que desejam ensinar as principais verdades da Bíblia para seus filhos.
Publicado pela UNITED PRESS/Hagnos.

Se você quer uma biblia para uma idade mais avançada você pode pensar utilizar a Biblia-Grandes Aventuras. Os textos contam grandes acontecimentos do Antigo e Novo Testamento, histórias maravilhosas, milagres e parábolas de Jesus, todos acompanhados de belas ilustrações.

Publicada pela UNITED PRESS/Hagnos

Se suas crianças cresceram e são daquelas que querem algo mais animado e cheio de ação não deixe de ver A Bíblia em Ação. Ela apresenta a história da salvação do mundo através de uma linguagem jovem (e coloca jovem nisso, lembra muito os quadrinhos da Marvel, DC Comics, etc.) São vários capítulos, desde “No Princípio” (Gênesis 1-2) até “Os últimos dias” (Apocalipse).   Ficou curioso de uma olhada neste video…

Publicada pela Geografica Editora.

Não deixe de comentar se você utiliza alguma outra biblia infantil ou de que forma você aprimora seu vocabulário para contar as historias?

23/03/2012 at 13:10 Deixe um comentário

Ambiente do Ministério de Crianças

Recentemente estive googando sobre ministério de crianças e seus espaços criativos.
Para quem não sabe durante a semana trabalho com projetos de arquitetura. Sim sou arquiteto como segunda profissão afinal comecei no ministério antes de se tornar um arquiteto.

Aqui tenho 5 dicas para ajudar a manter um ambiente legal do ministério de crianças.

1- evite poluir seu espaço com muitos cartazes.
Toda aula provavelmente você deve ter uma historia ou um pano de fundo… evite confundir as crianças sobre o que você vai falar. Exemplo quando você vai a uma lanchonete você encontra cartazes de lanches se você vai a uma cafeteria você encontra cartazes de café em um posto de gasolina você encontra fotos de carros e seus derivados. Use esta regra, mantenha simples e claro o que você vai apresentar. Isso mantem o clima de espectativa sobre o que sera falado naquele dia.

2. Falando em cartazes aqui vai uma dica valiosa CARTOLINA COR DE HOSPITAL… cai fora.. Ja ouviu falar em colorset ou colorplus…useas ao inves de cores de hospitais (azul piscina, verde hospital ou amarelo triste) cai fora destas e use cores vivas vermelho vivo, azul que é azul. Quando for fazer cartazes nada de usar letra de reguinha… use fontes divertidas e coloridas o microsoft word ou outros como Pages (mac) possuem uma biblioteca pronta bem legal, varie os tamanhos e estilos.

3- Cores das paredes nada de hospital afinal as crianças devem se sentir confortáveis e motivadas. Azul bebe vai fazer com que sua classe seja desanimada (use o bom senso e nao pinte todas as parede com cores tão fortes!) use alguns tons neutros como baunilha e adicione cor nos murais e no cenario.

4- Temas dentro da sala… de verdade eu ja vi de tudo desde um grande barco ate um simples palco preto. Cuidado com os cenarios, em demasiado eles podem dar a impressão de que o espaço é um parquinho ao inves de um lugar “legal”. Muitos lideres dizem que é pra chamar a atenção das crianças … mas tenta tirar uma criança do barquinho (parquinho) para contar uma historia biblica…
Utilize grandes cenarios no acesso as salas do ministério e na recepção. Procure empresas que criam cenários ou coloque displays (cenários com profundidade e altura) ou crie os seus a partir de papel marche ou material reciclado, afinal isso costuma sair caro.

5 – Evite colar figuras de personagens nas parede. Gosto de Smilinguido, mig meg entre outros mas, você não esta numa loja de brinquedos querendo que as crianças comprem estes personagem. Use as figuras a favor da sala. Uma dica para não deixar as paredes em branco é escrever versículos nas paredes ou partes deles ou colocar quadros grandes com dimensão 50x 120 com cenas bíblicas de bíblicas infantis coloridas de acordo com a faixa etária.

como é o ambiente do seu ministério de crianças?

17/02/2012 at 23:12 Deixe um comentário

Natal no ministerio Infantil!

Ho Ho Ho, pode ser uma palavrinha que da até arrepios em alguns lideres de ministério infantil.
Mas pense por um lado que época fantastica para falar do nascimento de Jesus!
É uma epoca onde temos que girar o foco dos presentes ceia de natals e lembra-las que todos recebemos um grande presente de Deus, Jesus. Cantatas peças tudo pode ser usado como ferramenta para dizer esta mensagem as crianças e suas famílias.

Veja dos de porque contar sobre o nsacimento de Jesus as criaças este mês:

*Crianças recebem muitas visitas… isto aumenta a oportunidade delas falar das boas novas a toda familia.
*Criança podem celebrar o plano de Deus  para suas vidas através do nascimento de Jesus!

No ministério no ano passado fizemos uma festa com direito a parabéns pra vc e até bolo… bem substituímos o bolo pelo tradicional chocotone e claro com as tradicionais velinhas! srsrrs E como estamos em pleno verão substituímos o chocolate quente por refrigerante e sorvetes. E alguns salgadinhos não foram nada mal.
Uma festa para celebrar o nascimento de Jesus!
Voluntários dos pequenos grupos se empenharam em preparar tudo para a grande festas e o resultado foi fantastico! Eles são demais!

O que você fará neste natal para celebrar o nascimento de Jesus?

25/11/2011 at 23:24 1 comentário

Posts antigos


Click em follow this blog e receba notificações e novidades diretamente no seu e-mail.

Junte-se a 89 outros seguidores

Categorias

junho 2017
S T Q Q S S D
« out    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930